30 de mai de 2013

Cá entre nós

| |
   Você acreditaria em mim se eu dissesse que sinto muito? Minha pergunta não foi pra te machucar, foi só o meu medo de te perder. Aliás, tudo que fiz foi por medo. E tudo acabou dando errado. E agora você tá sozinha ai, e eu aqui.
   Talvez eu tenha errado em achar que podia te manter comigo, e talvez isso seja só a noite me fazendo dizer besteira. Mas tudo em que pensei nesses últimos dias foi que quero que você saiba que estou bem. Sozinho. Só que não consigo mentir pra você, e já que estamos sendo honestos sinto que devia te falar; Eu estive preenchendo o espaço vazio entre nós dois. Mas cá entre nós, ela jamais poderia ser comparada a você. E cá entre nós, eu ainda guardo suas fotos em baixo da minha cama. 
   Talvez seja pelo melhor, mas eu não vejo nada de bom nisso. Talvez a gente encontre alguma coisa melhor, mas o que nós tínhamos nunca foi embora, vai fica pra sempre guardando o lugar. Vai ficar sempre ali.

4 comentários:

  1. Adorei o texto! Fiquei imaginando uma história toda por trás dele.

    Beijos
    Uma Perfeita Complicada

    ResponderExcluir
  2. Que lindo texto, tenho um vazio em mim, que eternamente estará aqui! sei bem o que é isso!
    Beijos Pri.

    ResponderExcluir

Comente a vontade, mas lembre de deixar o link do seu blog para que eu possa retribuir. E nunca, nunca mesmo, faça "copia e cola" por aqui.
Comente aqui somente sobre o post, pra qualquer outro assunto use a página de contatos (:

Bjj
Carol